O clássico foi movimentando no Morumbi.

O São Paulo com uma forte marcação nos principais homens de criação do Santos, conseguiu se impor e dominou o começo da partida.

O domínio tricolor durou até os 25 minutos quando Junior César perdeu uma bola no meio campo dando o contra-ataque ao Santos.

Na bola esticada para Leo, saiu o cruzamento que encontrou o pé do mesmo Junior César dentro da área, para desviar de Rogério Ceni, marcando gol contra.

O São Paulo sentiu o golpe e o futebol rápido e vistoso apresentado em todo o campeonato pelos meninos da Vila começou a aparecer.

A situação piorou para o tricolor quando o arbitro Marcelo Rogério injustamente expulsou Marlos, aos 35 minutos.

Aos 40, em jogada de Neymar, o Santos chegou ao segundo gol, com André antecipando-se a Junior César desviando a bola para o fundo da rede.

O primeiro tempo terminou com o Santos dando um passo gigantesco para a classificação.

Na segunda etapa o São Paulo não tinha alternativa senão partir para o tudo ou nada.

Com um 10 jogadores, Ricardo Gomes optou por sacar Washington e colocar Cicinho.

Logo aos 2 minutos Robinho quase marcou o terceiro em um rápido contra-ataque.

Aos 7 em uma bela jogada de Hernanes o São Paulo conseguiu diminuir o placar.

Robinho mais uma vez levou perigo aos 9 em um chute que raspou o travessão de Rogério Ceni.

A pressão do São Paulo continuou e o empate veio aos 21 em uma cabeçada de Dagoberto.

Dorival Junior reforçou a marcação ao tirar o atacante André e colocar Pará, com Wesley indo para o meio campo.

Aos 31 Neymar deu lugar a Madson e Marquinhos á Zé Eduardo.

Pelo lado do São Paulo, Fernandinho entrou no lugar de Jorge Wagner.

Aos 40, Marcelinho Paraíba entrou no lugar de Dagoberto.

Aos 44, o Santos pressionou e em cobrança de falta no segundo pau, Rogério Ceni falhou e o zagueiro Durval marcou de cabeça o terceiro gol do Peixe.

O São Paulo a exemplo do que havia feito contra o Corinthians, após conseguir buscar o resultado, acabou sofrendo o gol da derrota no final.

Quinto clássico disputado no ano e a quinta derrota dos comandados de Ricardo Gomes.

O Santos sai do Morumbi com um pé e meio na classificação para a final, já que no próximo domingo na Vila Belmiro, poderá até perder por um gol.

*O Santo André venceu o Grêmio Prudente por 2 a 1 em Prudente e também está muito próximo da classificação para a final do Paulistinha*

Anúncios