O São Paulo pode estrear na Taça Libertadores longe de seus domínios.

A chuva, protagonista de tantos casos e enchentes, pode tirar a primeira partida do São Paulo na Libertadores do Morumbi.

Explico.

O clube fez um contrato com seguro total com a empresa responsável pelo show da cantora Beyoncé no Morumbi.

Porém, a chuva torrencial que cai na cidade há 44 dias, não estava no contrato e não deu trégua.

O show acabou bombando e a chuva fez com que a proteção do gramado (cheia de furos para o respiro da grama) acabasse em “alagamento”, totalmente cheia de água.

Juvenal Juvêncio ficou esperando a retirada da proteção do gramado por muito tempo, para ver o estrago feito pela chuva e pela multidão, mas o adiantado da hora fez com que o presidente do São Paulo se retirasse do recinto sem que tivesse a certeza da transferência ou não da partida.

O repórter que vos escreve, teve a oportunidade de pisar na proteção armada no campo para o show, e testemunha que a água subia no tornozelo.

Será surpresa se o São Paulo confirmar a estréia do time na Libertadores para o estádio do Morumbi.

Na melhor das hipóteses, o jogo será realizado na casa Tricolor, mas com um gramado totalmente judiado.

Anúncios