A Reebok lança nesta segunda-feira em um galpão na Mooca, a versão 2010 da camisa São paulina.

Em principio não haverá mudança significativa.

A LG sumiu do peito, mas a IPS ainda continua nas mangas já que tem contrato em vigência até Março.

Na semana que vem as camisas já devem estar a disposição dos torcedores.

A falta de logística da empresa para o lançamento da camisa me chamou a atenção.

O evento foi marcado para as sete e meia da noite na Mooca, e o São Paulo treina às 16H na Barra Funda.

Se considerarmos que o treino acaba por volta das seis, seis e meia, os jogadores ou alguns deles, e a imprensa que cobre o dia a dia do clube, terão pouco mais de 1 hora para cruzar a cidade para o evento (rezando para que a chuva não desabe).

Para que marcar o lançamento da camisa em um espaço na Mooca, se o Morumbi hoje conta com 2 restaurantes, livraria e até mesmo o salão nobre?

Essa eu não entendi!

* Estive conversando com quem manda e coordena o lançamento da nova camisa do São Paulo.
O Evento não será feito em um galpão da Mooca e sim em uma antiga estação de trem no Brás.
A apresentação terá a pompa e a atenção de toda a diretoria tricolor e o aspecto de super produção.
O layout da camisa não é mais segredo, porém será necessário ao torcedor entrar na fila para conseguir a camisa 2010 antes do patrocinio master.

*Conversei com um diretor da Reebok que me alertou sobre o engano no local e tamanho do evento da próxima segunda-feira. O lançamento da camisa do São Paulo será feito em uma antiga estação de trêm no Brás e terá ares de superprodução.A intenção é homenagear todos os imigrantes que vieram para o Brasil das mais diversas partes do mundo no começo do século passado, mostrando que o São Paulo é um time de todas as colonias Brasileiras.*

Anúncios