O São Paulo vai oficializar seus reforços aos poucos.

Por uma questão de ética o clube não vai anunciar o nome de jogadores que ainda tem vinculo com outras equipes, ou seja, somente em janeiro a maioria dos nomes acertados será anunciado oficialmente.

Ainda em dezembro a diretoria deve confirmar os nomes de André Luis, Xandão, Leo Lima e Fernandinho.

Todos já fizeram exames médicos e após o resultado, serão confirmados pelo São Paulo.

Marcelinho e Carlinhos Paraíba, só serão anunciados em Janeiro.

O vínculo de Marcelinho com o Coritiba acaba em 31 de Dezembro, o jogador assinou seu contrato com o tricolor logo após o empate em 2 a 2 no Morumbi pelo segundo turno do Brasileirão.

Já Carlinhos, tem contrato até Março e o São Paulo deve ceder alguns jogadores ao Coxa, para que possa contar com ele já em Janeiro.

Além desses jogadores, a diretoria espera a vinda de mais 3 reforços para fechar o elenco.

Fernandão, Breno e Cicinho ou Vitor.

A situação de Fernandão continua inalterada, o jogador tenta convencer os dirigentes do Goiás a liberá-lo sem ter que pagar multa.

Fernandão esta disposto a perdoar uma divida que o clube tem com ele para poder jogar no São Paulo, mas, até agora os diretores Esmeraldinos estão irredutíveis.

Caso venha para o tricolor, a idéia é aproveitá-lo no meio campo, jogando um pouco mais recuado, na armação, como chegou a jogar (e bem) no Internacional.

Breno e seus empresários também tentam convencer os dirigentes do Bayern a liberá-lo por empréstimo.

O jogador já tem os salários acertados com o clube, e o principal argumento para tentar a liberação é uma possível valorização com a disputa da Libertadores e talvez uma convocação para a Seleção Brasileira.

Breno já disse publicamente que não quer ficar no Bayern na próxima temporada, o clube Alemão gostaria de emprestá-lo a algum clube europeu, para que o jovem zagueiro pegue mais experiência, mas a falta de clubes interessados pode ajudar sua vinda para o Brasil.

Nesta semana, a situação deve ser resolvida.

Para completar o elenco a diretoria busca um lateral direito.

Vitor e Cicinho são os nomes tentados pelo São Paulo.

Embora Cicinho esteja na Europa, sua vinda é mais viável do que a de Vitor, já que o Goiás, a exemplo do que já esta fazendo no caso Fernandão, não vai facilitar uma transferência de seu lateral para o Morumbi.

Cicinho não vem jogando na Roma, o lateral tem vontade de voltar a jogar pelo São Paulo, e os Italianos não devem criar dificuldades para o empréstimo.

Alias, Cicinho quando passou por uma cirurgia no joelho no ano passado, não veio se recuperar no REFFIS porque Luis Rosan fisioterapeuta chefe do clube, não autorizou.

Segundo Rosan, Cicinho precisava de pelo menos 3 meses de recuperação no REFFIS, mas a Roma queria liberar o jogador por apenas 1 mês.

Como o fisioterapeuta do São Paulo e da Seleção, não faz trabalho pela metade, acabou vetando a vinda de Cicinho pelo período concedido pelos Romanos.

Logo, não foi a Roma que impediu a recuperação do lateral no São Paulo, como foi noticiado na época e sim exatamente o contrário.

Portanto esta é a situação no tricolor.

Chegando os 3 jogadores citados, Fernandão, Breno e Cicinho, o ciclo de contratações estará encerrado, pelo menos por enquanto.

Quanto à saída de jogadores, nenhuma novidade.

Borges, Hugo e Rodrigo já deixaram o elenco.

Saavedra e Aislan devem sair no começo do ano.

Por enquanto não há proposta oficial na mesa da presidência, por Dagoberto ou qualquer outro jogador.

A única proposta que chegou e foi recusada, foi a da Lazio pelo zagueiro André Dias.

Ao contrário do que foi dito, o atacante Henrique, não foi liberado pela comissão técnica para disputar a Copa São Paulo.

O atacante será sim aproveitado no time profissional, juntamente com Oscar, Wellington, Diogo e Sergio Mota.

Anúncios