A diretoria do São Paulo se reúne nesta semana com a comissão técnica para traçar todo o planejamento do ano que vem.

Como já é sabido, alguns jogadores já assinaram contrato com o tricolor e ao longo dos dias, deverão ter seus nomes oficializados pelos diretores.

Marcelinho Paraíba, Fernandinho e André Luis, são até agora os atletas que já acertaram sua vida com o clube.

Carlinhos Paraíba tem contrato até março com o Coritiba e o São Paulo vai ter que negociar para conseguir sua liberação antes do prazo, assim como fez com o Fluminense na compra de Arouca em Janeiro deste ano.

O São Paulo aguarda a liberação do Bayern de Munique para assinar contrato com Breno.

Entre o clube e o jogador os salários já foram acertados, mas os alemães estão ameaçando pedir uma quantia em dinheiro pelo empréstimo o que dificultaria a vinda de Breno.

O zagueiro, tenta convencer o Bayern a liberá-lo sem custos, como quer o tricolor.

André Dias pode ficar.

Gilmar Rinaldi, disse que a Lazio fez uma proposta oficial de 1.5 milhões de Euros ao São Paulo, que considerou o valor muito baixo.

A Fiorentina outra interessada, fez apenas sondagens, mas nenhuma proposta oficial até agora.

Se nenhum clube oferecer um valor maior do que o 1.5 milhão de Euros, a diretoria pode dar um aumento a André Dias para ficar no elenco.

Leo Lima realmente é um nome que interessa.

O empresário do atleta e a diretoria tricolor conversam para tentar chegar a um acordo.

Eu particularmente não gosto do futebol do jogador, tão pouco de suas atitudes fora de campo, tanto que nunca conseguiu se firmar em clube algum.

Se a contratação realmente se concretizar, o São Paulo terá que trazer um psiquiatra para cuidar do elenco, pois com todo o respeito, a dupla, Leo Lima e André Luis pode deixar Fabio Santos e Carlos Alberto no chinelo.

A contratação de Fernandão não é tão fácil como andaram falando.

O jogador tem contrato até o final do ano que vem com o Goiás e terá que convencer a diretoria a liberá-lo sem multa.

Além disso, a família de Fernandão não parece disposta a trocar a pacata Goiânia, por uma megalópole como São Paulo.

Até em razão da dificuldade de trazer Fernandão, Washington pode renovar seu contrato por mais uma temporada.

O atacante era carta fora do baralho.

A exemplo de alguns torcedores, a diretoria também acha o jogador “caneleiro”.

Mas o comportamento aglutinador de Washington e a vontade e raça mostradas nas ultimas partidas, além é claro dos gols marcados, fizeram com que a dispensa iminente fosse revista.

Há pelo menos quinze dias, a diretoria pensa em renovar seu contrato, desde que haja uma redução salarial.

Washington esta feliz com seu momento e quer disputar a Libertadores pelo tricolor.

Jogador e dirigentes sentam nesta semana para decidir o futuro do atacante no clube.

Se alguns chegarão, outros estão de saída.

Rodrigo foi dispensado antes mesmo do jogo contra o Sport.

Borges decepcionou Ricardo Gomes, pelo pouco comprometimento com o time e o grupo na reta final do Brasileirão.

O destino do atacante deve mesmo ser o Grêmio, mesmo caminho de Hugo, que conta com a simpatia do treinador São Paulino, mas já teria assinado pré-contrato com o tricolor Gaúcho.

Por enquanto é só.

Abraços.

Marcello Lima.

Anúncios