jumento rindo

Lamentável o fato ocorrido com Nelsinho Piquet no GP de Cingapura no ano Passado.

Cheguei a duvidar que o piloto Brasileiro se sujeitasse a tamanha sujeira em troca de uma renovação de contrato.

Mas parece que o próprio piloto confessou que realmente foi “convidado” pela equipe a bater seu carro para ajudar Fernando Alonso.

Nelsinho além de provar que é um piloto absolutamente comum (ao contrário do pai) mostra que não tem escrúpulos nem caráter.

Nelson pai, também tem culpa no cartório,já que o desespero de ver o filho na formula 1 o fez calar sobre o episódio na época.

Em minha opinião o piloto e a equipe têm que ser banidos do esporte.

Simplesmente grotesco.

Anúncios