Foto_Joao_Paulo_Lopes

O São Paulo vai se preparando para a janela de transferências que se abre na semana que vem.

A diretoria sabe que 3 jogadores do elenco estão na mira dos Europeus:Hernanes,Miranda e Dagoberto.

E é exatamente nestas posições que os diretores trabalham para reforçar o elenco.

Trabalham para as contratações de um zagueiro,um meio campista e um atacante.

João Paulo Jesus Lopes,diretor de futebol do São Paulo,fala sobre isso em entrevista exclusiva ao blogueiro.

ML – Como o São Paulo esta se preparando para a abertura da janela de transferências?

JP – O mercado futebolístico nacional e internacional esta começando a se aquecer.

Nosso elenco é muito qualificado,mas é obvio que aparecendo uma boa oportunidade iremos exerce-la.

A vinda do Adrián Gonzalez é um exemplo disso,era uma posição carente no elenco,desde a saída do Ilsinho não conseguimos ter uma boa reposição no setor e espero que o Adrian Gonzalez possa dar novamente qualidade ao setor.

ML – O São Paulo pretende trazer mais algum atleta sulamericano ou o foco passa a ser brasileiros que estão no exterior?

JP – Nós já estamos com dois estrangeiros,o limite para uma partida são três, então poderemos preencher a ultima vaga caso apareça algum bom jogador na América Latina em situação favorável para ser contratado,estamos observando o mercado.

Mas o mais provável é que tenhamos um reforço Brasileiro mesmo.

ML – O senhor poderia dizer a posição ou as posições que o clube pensa em se reforçar?

JP – Algumas posições sempre são olhadas com mais atenção,mesmo quando o time está em boa fase.

Sempre são bem vindos,craques zagueiros,craques de armação e sempre são bem vindos craques atacantes.

Nós temos um bom elenco,aptos a disputar o campeonato Brasileiro de forma mais contundente até o final,mas obviamente estamos atentos principalmente nestas três posições que são chave em qualquer clube de futebol.

ML – As contratações de meio de ano,estarão diretamente ligadas as vendas que o São Paulo fizer?

JP – Sem dúvida nenhuma,na eventualidade de termos alguma saída,procuraremos nos reforçar o mais rápido possível.

É preciso que a torcida saiba que neste momento não temos nenhuma negociação sendo desenvolvida,existe muita sondagem,nos próximos dias podem surgir propostas,mas até este momento não há nada em andamento,nada formalizado.

ML – É necessária a venda de pelo menos um atleta para que o clube fique com o caixa estabilizado?

JP – O que o São Paulo fez no ano passado foi ajustar suas despesas de acordo com suas receitas e assim conseguiu terminar o ano com superávit.

Agora,sabemos que o futebol Brasileiro é exportador. Se você não exportar jogadores,não consegue fechar as contas.

No caso do São Paulo é um pouco diferente porque temos outras fontes de receita,como seu estádio,com um marketing bastante atuante,consegue se equilibrar.

Mas quando você negocia um jogador,você tem a oportunidade de fazer outros investimentos,ampliações não só em suas instalações, mas também no futebol.

ML – O São Paulo deixou o bonde passar ao não aceitar no ano passado a proposta de 13 milhões de Euros do Barcelona por Hernanes?

JP – O ano passado nós optamos por não vender o Hernanes em função do nosso grande objetivo que era a conquista do inédito Tricampeonato Brasileiro.

Conseguimos alcançar nosso objetivo,logo este sacrifício foi extremamente vantajoso.

Tudo ao seu tempo,você tem que avaliar cada situação de acordo com o momento vivido.

Hoje,em chegando uma proposta substantiva para os nossos jogadores,é obvio que nós vamos avaliar,em função do momento atual,em função da situação do clube.

ML – Para encerrar,gostaria de saber a verdadeira situação de alguns nomes especulados para reforçar o São Paulo,começando com Fernandão.

JP – O Fernandão é um jogador que interessa não só ao São Paulo como á várias equipes do futebol Brasileiro. Não tenho nenhuma duvida que ele em vindo para o São Paulo seria extremamente útil.

O Muricy sempre falava que ele é um jogador que tem o perfil do clube,aplicado,bom comportamento,um cidadão acima de tudo.

Em função disso é claro que gostaríamos de contar com o Fernandão,agora,há dificuldades a serem superadas.

Ele ainda tem um ano de contrato com o Al Gharafa,foi adquirido por um valor substancial e evidentemente o clube do Catar gostaria de ter uma remuneração satisfatória.

São fatores que dificultam muito a sua vinda não só para o São Paulo como para qualquer clube Brasileiro.

Mas sem duvida é um belíssimo jogador em uma posição que consideramos importantíssima.

ML – E o Lincon que está no futebol Turco,interessa?

JP – O Lincon é um jogador que já foi objeto de interesse nosso há um tempo atrás.

Mas as dificuldades encontradas para que ele viesse,a multa contratual elevada,impediram sua vinda.

Então, a menos que esta situação se modifique,é uma alternativa que não estamos cogitando.

ML – Então se o jogador conseguir se desvincular de seu clube na Turquia volta a interessar?

JP – É um belíssimo jogador,sem dúvida nenhuma pode interessar.

Anúncios