taça libertadores

São Paulo e Nacional agiram certo em não aceitar jogar no México.

Não é uma questão de qualidade de adversário, de tempo de viagem e sim de preservar a saúde de seus atletas e membros de suas respectivas delegações.

A Federação Mexicana diz que a gripe já está sob controle.

Ok, então porque os estádios neste final de semana terão 50% de suas capacidades, além dos torcedores não poderem sentar-se um ao lado do outro, dando o espaço de uma cadeira e uma fileira entre eles?

Simples: prevenção para evitar ou tentar evitar o contágio dos torcedores.

É simplesmente impossível garantir aos times sul-americanos que não há risco de contágio.

Pela diminuição dos casos da Gripe no México, fica mais difícil de contrair a doença, sem duvida, mas não se pode dar 100% de certeza de que não haverá o contágio.

O Dr.David UIP médico infectologista e consultor da Radio Jovem Pan, deu razão ao São Paulo.

O argumento do médico é muito simples: é mais fácil e seguro deslocar uma delegação de 35 pessoas até a América do Sul do que levar um time direto ao foco da doença.

A pergunta que faço aos que não concordam com a posição tomada por São Paulo e Nacional é a seguinte:Você levaria sua familía para passear no México?

Acho que não.

Os times Mexicanos que em um primeiro momento concordaram em jogar na América do Sul, insuflados pela Fox (controlada pelos Mexicanos) e pela Federação local, ficaram irredutíveis quanto ao mando de seus jogos no México.

Nem a proposta de jogo único na próxima semana, feita pela CONMEBOL, seduziu as equipes de Chivas e San Luis.

Em entrevista a Rádio Transamérica, aos meus amigos André Galvão e Roberto Carmona,Pedro Saez, presidente do Chivas, confirmou que não aceitou a proposta da CONMEBOL para a realização de um jogo único na próxima quarta-feira e ratificou a saída do Chivas e do San Luis da competição.

Diante do radicalismo de ambas as partes, acho que esta é a melhor solução para o caso.

A discussão agora é se São Paulo e Nacional devem passar direto para as quartas de final, ou seria mais justo que eles enfrentassem as equipes classificadas em décimo sétimo e décimo oitavo lugares na primeira fase?

Acho que com a desistência oficial dos Mexicanos a CONMEBOL deve confirmar a classificação direta de São Paulo e Nacional para as quartas de final da taça Libertadores.

Anúncios