dolares1O São Paulo nunca escondeu que pretende conseguir um valor de 30 milhões de reais pelo novo patrocínio em sua camisa.

Várias empresas negociaram com o clube no segundo semestre.

A maioria do setor de eletro-eletrônicos: Aoc, Philips, Samsung, Sony e LG foram algumas das interessadas.

A Emirates, gigante  Árabe do setor de aviação foi a única fora do segmento de eletrônicos que se interessou.

A LG saiu logo da parada, pois não aceita pagar mais do que 20 milhões de reais.

E num primeiro momento o São Paulo conseguiu chegar a 26 milhões.

Mas a crise mundial afastou praticamente todos os potenciais patrocinadores, já que o setor de eletro-eletrônicos foi um dos mais atingidos pela crise.

Com isso a LG voltou ao páreo com os 20 milhões mais uma reforma em determinado setor do Morumbi.

A Emirates que não foi afetada com a crise estuda a possibilidade de patrocinar o tricolor.

Os valores não são revelados, mas especula-se que seria maior até do que pretendia o clube no começo das negociações.

A decisão do novo (velho) patrocinador, deverá sair na primeira semana de Janeiro.

E realmente não vai fugir das duas empresas citadas.

Em 2009, o São Paulo pode jogar com a camisa estampando o velho patrocinador, com contrato renovado ou então usar na camisa o patrocínio da Emirates.

LG  ou FLY EMIRATES, uma dessas marcas será vista pelo do torcedor do São Paulo na camisa de seu time nos próximos anos.

Anúncios