anos-80Vou reproduzir aqui, mais algumas matérias da revista Paulistão, de1980.

Algumas notas de uma coluna da revista, chamada Esporte&gente:

+ Embora não mais alimente a esperança de defender a seleção do seu País, a Argentina, o centro-avante Carlos Bianchi, que vinha defendendo o futebol Francês, estava arrumando suas malas para deixar o Paris Sain-Germain e voltar a sua terra natal para defender o Velez Sarsfield.

Outro vulto que também estará mudando de ambiente é o extraordinário Franz Beckenbauer. Com excelente proposta de Mônaco,para atuar no clube do principado,inclusive recebendo de presente,excelente propriedade(com Iate e outras “coisinhas”)o “Kaiser” dificilmente,permanecerá no Cosmos,da cidade de Nova York.

+ Espetacular sem duvida nenhuma, foi a proposta que o Barcelona,da Espanha,fez para o Argentino Juniors,para liberar o seu famoso meia esquerda Diego Maradona:Seis Milhões de Dólares.

Embora não sendo o“Homem Biônico” e usando(bem) apenas a sua perna esquerda, a exemplo de Gerson e Rivelino, Maradona que não chega a ser nenhum Pelé no futebol Mundial, está com um cartaz que não tem tamanho. Na Europa são exibidos, continuamente, os Taipes de seus gols(apenas os gols), o que não é feito para nenhum jogador do futebol Brasileiro. Ele é bom.Todavia não é nenhum fenômeno.

+ Embora o mercado Italiano tenha sido aberto e muito se tenha falado em torno de jogadores Brasileiros que estariam sendo visados por clubes da Península, a verdade é que apenas quatro jogadores no momento interessam.

Pela ordem, são: Falcão, do Internacional, de Porto Alegre; Zico, do Flamengo; Sócrates, do Corinthians e, agora mais recentemente, diante de suas performances em defesa das cores do São Paulo, o jogador Renato.

Quanto ao resto não passa de conversa. Além do mais há um detalhe que não pode ser esquecido.Se alguns dos valores citados,tiver mais de vinte e cinco anos de idade,também não poderão ser adquiridos,pois a lei na Itália permite apenas a compra de valores com menos de 25 anos,logo…

+ Para o jogo final da copa dos campeões na Europa, acreditavam os dirigentes do Hamburgo e do Nottingham Forest, que a receita a ser apurada no Estádio Santiago Bernabeu seria da ordem de oitenta milhões de cruzeiros, aproximadamente. Isso porque algum tempo antes do jogo,todos os ingressos já estavam esgotados e nem mesmo no câmbio negro era possível conseguir  um lugar.

Não que os preços sejam elevados ou, então, que os europeus tenham super estádios de futebol, maiores que o Beira-Rio, Mineirão, Morumbi ou Maracanã. Isso não vem ao caso.

O importante é que lá a televisão paga(e muito bem), para a transmissão dos jogos e a receita fornecida pela tevê foi na ordem de cinqüenta milhões de cruzeiros.

É MEUS AMIGOS, NOTÍCIAS FRESQUINHAS DOS ANOS 80!

Anúncios